A negociação está fluindo de maneira positiva, o cliente ficou bem interessado no seu produto, mas a conversa trava na etapa de acertar o pagamento. À vista não é possível para o cliente. Para você, a prazo não é bom, porque desequilibraria seu fluxo financeiro. E então, o que fazer? Perder o cliente e todo trabalho feito até ali? É neste contexto que a venda com cartão na indústria pode ser útil!
Quando falamos em cartão de crédito, é comum que o varejo apareça como personificação do uso dessa modalidade de pagamento. Entretanto, bem sabemos que as empresas já têm seus cartões corporativos, utilizados em várias situações. Assim, não é descabido aproveitar desse comportamento para que a venda com cartão na indústria também seja uma realidade.
Até porque o cartão de crédito mudou a dinâmica de pagamentos há tempo. Se antes era comum ver lojas com crediário próprio e mercadinhos de bairro com fichas de clientes — aquele caderninho de vendas fiadas —, hoje todos se adaptaram ao cartão de crédito. Se os pequenos varejistas entenderam os benefícios dessa modalidade, a indústria também precisa extrair o melhor dele.

Modalidades de crédito para a indústria

A venda a prazo é uma ótima alternativa para facilitar as negociações de venda. O cliente precisa desse benefício para se organizar, fazer investimentos e manter suas operações com um fluxo de caixa saudável. Como gestor, você sabe: nem sempre é possível adquirir algo, ainda mais de alto valor agregado ou com frequência constante (como insumos), sem flexibilidade no pagamento.
Dessa maneira, cabe à indústria verificar as alternativas para atender ao cliente da melhor maneira. Uma das mais comuns é a emissão de duplicatas, estipulando o prazo acertado na negociação para o pagamento ser efetuado. A outra alternativa é a emissão de boleto, o que pode facilitar para determinados clientes.
Entretanto, nesses dois cenários há o risco da inadimplência. Mas cabe um alerta: isso não quer dizer que a maioria dos clientes pode faltar com seus compromissos. A realidade é inversa: o não pagamento acontece com uma pequena porcentagem das vendas. Contudo, é um fato possível. Nesse sentido, boletos ou duplicatas não funcionam como garantia de recebimento.
Esta é a primeira e principal vantagem da venda com cartão na indústria. Afinal, nessa modalidade, a sua empresa vai receber de qualquer maneira. Se o cliente não pagar, ele precisará se acertar com o emissor do cartão dele. Quer dizer: você abre a possibilidade de garantir prazo e flexibilidade no pagamento ao mesmo tempo em que assegura sua segurança operacional.

Recebimento à vista da venda com cartão na indústria

Outro benefício da venda com cartão na indústria é a possibilidade de ter acesso ao dinheiro à vista mesmo com as operações negociadas a prazo. Este é um assunto bem relevante a ser considerado porque, muitas vezes, a empresa precisa dos recursos naquele momento, muitas vezes para garantir a própria matéria-prima que será utilizada para dar andamento ao atendimento do pedido.
Diante dessa necessidade imediata, muitos acabam negociando prazos menores para flexibilizar um pouco, o que nem sempre vai ao encontro das necessidades do cliente. O problema é que nem à indústria esse prazo menor atende, pois ainda vai se passar um tempo até o valor entrar no caixa. Assim, ninguém sai plenamente satisfeito, a não ser que o cliente tenha condições de quitar à vista.
Em uma venda com cartão na indústria, esse problema não acontece porque é possível negociar um prazo mais confortável para quem está comprando, sem deixar de atender aos interesses e necessidades de quem está vendendo. Isso porque, por meio do próprio sistema de gerenciamento de vendas, é possível antecipar aquela venda e ter acesso imediato ao dinheiro.
Quer dizer: todos saem ganhando. A sua empresa ganha uma poderosa ferramenta de negociação, melhorando as chances de fechar novos negócios e reduzindo os riscos de inadimplência, e o cliente se sente satisfeito porque ganha prazo e flexibilidade para pagar. Por fim, caso a necessidade de recursos seja imediata, é prático e rápido antecipar os valores.
Vale dizer ainda que, se o cliente preferir pagar à vista, ainda assim ter uma solução de venda com cartão na indústria é interessante, porque ele pode finalizar a transação ali na hora, por meio de um cartão de débito.

Venda direta ao cliente final também é possível

Outra possibilidade ao implementar a venda com cartão na indústria é fazer a venda direta ao público final, dependendo do ramo de atuação. Basta organizar o site institucional para ter algum recurso de e-commerce e estruturar uma equipe para dar vazão a essa demanda. Com isso, abre-se mais uma frente de recursos e a margem de lucro pode ser ampliada, já que não será preciso intermediários.
Dito isso, vale lembrar que, seja para o cliente final, seja para um revendedor, fazer venda com cartão na indústria não pressupõe o uso da tradicional maquininha de cartão. Claro, ela pode ser adquirida para determinadas situações, mas existem vários meios de captura de vendas que podem ser usados para aderir a essa modalidade de negociação.
Considerando todos esses fatores, se você se sentiu interessado em testar a eficácia das vendas com cartão na sua indústria, conte com a ValoremPay! Nós temos todas as soluções para que a venda com cartão seja uma realidade na sua indústria. Entre em contato com a gente, converse com nossos consultores e, juntos, vamos entender as necessidades do seu negócio e indicar a melhor solução para a sua realidade.
Caso tenha ficado com alguma dúvida sobre este assunto, fique à vontade, também, para deixar o seu comentário no espaço abaixo. Estamos sempre à sua disposição!

Leave a Reply

Solicitar - Máquina móvel (C680)




    * Campos obrigatórios

    Solicitar - Máquina móvel (Link 2500)

    Solicitar - Máquina móvel (D150)




      * Campos obrigatórios

      Solicitar - TEF (PPC930)




        * Campos obrigatórios

        Solicitar - Link de pagamento

        Solicitar - ValoremPay




          * Campos obrigatórios

          Solicitar - Antecipação de recebíveis fornecedores

          Solicitar - Antecipação de recebíveis






            * Campos obrigatórios

            Solicitar - Investimentos






              * Campos obrigatórios

              Investir FIDC

              Investir em Debêntures