A sua empresa tinha um pagamento para receber em determinado dia. A data passou e nada. Pensando em resolver a questão, você destaca um profissional para fazer a cobrança da inadimplência. Ele liga, liga, mas não consegue resolver. O responsável nunca está. Então, o diálogo começa a ficar mais incisivo e inflexível. Por fim, depois de algum tempo, o cliente até paga, mas não volta a fazer negócio com o seu estabelecimento.

Independentemente de essa ser ou não uma situação familiar no seu contexto empresarial, será que haveria outra forma de conduzir a negociação em uma ocorrência como essa? Claro que sim! A primeira decisão seria delegar essa tarefa a profissionais habilitados.

Isso porque somente especialistas têm a expertise para escolher a melhor maneira de interagir com o cliente e buscar uma solução amigável. Depois, o melhor a se fazer é antecipar-se a esse tipo de dor de cabeça. Se a sua empresa já estivesse acompanhando o cliente, prestando assistência e verificando as necessidades, certamente conseguiria identificar mais cedo a possibilidade do imprevisto.

Essa antecipação favoreceria a elaboração de alguma iniciativa vantajosa para o cliente e, ao mesmo tempo, permitiria ao seu departamento financeiro se reorganizar de um fato como esse. Desse modo, não haveria aquela insegurança típica dos processos de cobrança que não se resolvem. Porém, o mais importante de tudo nessa situação, pensando em médio prazo e nas relações comerciais, é a satisfação do seu público em relação à abordagem utilizada.

Porque veja só: em vez de adotar um posicionamento intimidador e agressivo, optou-se por fazer um acompanhamento profissional e parceiro, colocando-se à disposição e demonstrando capacidade de diálogo. É o que chamamos de cobrança simples.

Ou seja, aquele tipo de cobrança que acontece antes da inadimplência. Para o seu negócio, o objetivo é se certificar de que o pagamento será feito na data acordada. Mas, para o cliente, é preciso que esse trabalho seja demonstrado como um auxílio, um contato de proximidade e respeito.

Como fazer a cobrança da inadimplência antes de ela ocorrer

Essa cobrança simples precisa ser uma prestação de serviços. As ações adotadas para fazê-la vão depender de uma série de fatores como, por exemplo, a forma de pagamento, o produto ou serviço que foi vendido, o valor da venda, entre outras variantes.

Mas, em geral, consiste em verificar se o cliente está com o boleto em mãos ou se é preciso reenviá-lo; no caso de desconto de cheque, pode ser feita a confirmação da conta; e ainda é interessante contatar o cliente para confirmar a data de vencimento, entre outras ações possíveis, dependendo do tipo de relação comercial que se tem.

Perceba que, ao fazer isso, o cliente estará recebendo suporte e, a sua empresa, informações preciosas sobre a organização dele para o pagamento. Se em qualquer instante houver indícios de dificuldades, mais um serviço pode ser prestado: a resolução daquele imprevisto.

Cabe ao seu negociador, portanto, como já dissemos, oferecer caminhos para que o débito seja saldado sem prejuízo para ninguém. Em resumo, a cobrança simples vai servir para auxiliar o cliente, cobrá-lo e encontrar caminhos para efetivar o pagamento em caso de adversidades.

E quando repetimos diversas vezes que esse trabalho precisa ser encarado como uma prestação de serviço ao cliente e que é preciso muita cautela, é porque realmente é desaconselhável atribuir uma tarefa tão sensível a uma pessoa que não seja especializada em tal atividade.

O mais indicado, na verdade, é terceirizar esse trabalho, tendo em vista que a atividade-fim da sua empresa não é cobrança e, para garantir a eficácia dessa operação, é preciso mais que colaboradores treinados: torna-se indispensável usar técnicas específicas, equipamentos adequados e suporte externo com empresas de avaliação de crédito, itens que geram custos adicionais e voláteis.

É por essa razão que a Valorem oferece a solução Análise de Crédito e Risco. Com ela, você evita todos esses inconvenientes, porque a capacidade de pagamento do cliente é analisada antes do fechamento do contrato. Entre em contato conosco e conheça esse serviço!

Leave a Reply

Solicitar - Máquina móvel (C680)




    * Campos obrigatórios

    Solicitar - Máquina móvel (Link 2500)

    Solicitar - Máquina móvel (D150)




      * Campos obrigatórios

      Solicitar - TEF (PPC930)




        * Campos obrigatórios

        Solicitar - Link de pagamento

        Solicitar - ValoremPay




          * Campos obrigatórios

          Solicitar - Antecipação de recebíveis fornecedores

          Solicitar - Antecipação de recebíveis






            * Campos obrigatórios

            Solicitar - Investimentos






              * Campos obrigatórios

              Investir FIDC

              Investir em Debêntures